Varizes/Insuficiência Venosa

Insuficiência venosa crônica (IVC) pode ser definida como o conjunto de manifestações clínicas causadas pela anormalidade (refluxo, obstrução ou ambos) do sistema venoso periférico (superficial, profundo ou ambos), geralmente acometendo os membros inferiores. As veias varicosas são uma manifestação comum da doença venosa crônica.

Entre os fatores de risco para o desenvolvimento da doença venosa crônica podemos citar: o aumento da idade, o sexo feminino, o número de gestações, obesidade e histórico familiar.

É uma das patologias mais prevalentes no mundo, podendo apresentar-se desde telangiectasias (vasinhos) até quadros mais graves como as úlceras varicosas. Embora às vezes descartadas como um achado cosmético, as veias varicosas podem culminar com ulceração que limita a vida em até 20% dos indivíduos afetados e têm sido cada vez mais associados a riscos graves para a saúde. Estudos recentes mostram que os pacientes com varizes apresentam risco até 5 vezes maior de desenvolver trombose venosa profunda (TVP).

O diagnóstico é feito de forma clínica, com avaliação mais apurada da sua magnitude pela Ecografia Vascular com Doppler.

O tratamento nas fases iniciais da doença pode ser realizado por escleroterapia química (esclerosante líquido ou espuma) e escleroterapia mecânica, como é caso do Laser. No caso de necessidade cirúrgica, há uma variedade de tratamentos disponíveis, desde cirurgia convencional ou ablações térmicas, como é o caso do Laser e da Radiofrequência.

Uma vez diagnosticado o problema seu tratamento e condução deve ser feito por um profissional habilitado para tal, que no caso se trata do Angiologista/Cirurgião Vascular.

Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular - Regional Maranhão

Avenida Colares Moreira, Lote 3A Qd 32, Sala 416 - Jd. Renascença

São Luis/MA | CEP: 65075-441

Copyright © 2020 - SBACV-MA - Todos os direitos reservados

  • Branca Ícone Instagram